CEMITÉRIO DO BAIXO SALTO

O cemitério do Baixo salto em Nova Trento ainda preserva algumas lápides escritas em italiano. Fragmentos do passado que afirmam a existência de uma comunidades de imigrantes tirolezes(trentinos) que fizeram daquele lugar sua última morada, local onde repousam os restos de homens e mulheres que sonharam um outro destino para suas vidas, distante do continente europeu. Nos sepultamentos  feitos no período que vai de 1940 a 1948 (2ª Guerra Mundial) por imposição do governo, campanha de nacionalização, não se permitiu que as inscrições fossem em outra língua senão em português.

português.

Foto Família Gessele

Gessele

Foto Família Gessele

Na frente, da direita para a esquerda: Luiz Gessele, Valmir e Ida Voltolini Gessele.

Atrás, na mesma ordem: Virgilio, Jair, Editi, Helena,

Neiva, Geraldo e Cida.

Colaboração: Alexandre Aldo Cipriani