Oratório São Carlos Borromeu

foto-174

Oratório dedicado a São Carlos Borromeu, localizado na estrada de acesso ao Santuário Nossa Senhora do Bom Socorro em Nova Trento. Data da foto desconhecida.

O oratório foi construído e idealizado pelo imigrante italiano Carlo Gollini, originário de Nonantola, na província de Módena.

Colaboração: Alexandre Aldo Cipriani

CEMITÉRIO DO BAIXO SALTO

O cemitério do Baixo salto em Nova Trento ainda preserva algumas lápides escritas em italiano. Fragmentos do passado que afirmam a existência de uma comunidades de imigrantes tirolezes(trentinos) que fizeram daquele lugar sua última morada, local onde repousam os restos de homens e mulheres que sonharam um outro destino para suas vidas, distante do continente europeu. Nos sepultamentos  feitos no período que vai de 1940 a 1948 (2ª Guerra Mundial) por imposição do governo, campanha de nacionalização, não se permitiu que as inscrições fossem em outra língua senão em português.

português.

Reunião no CETRI

vacinadores

Reunião dos vacinadores da Secretaria da Agricultura no CETRI (Centro de Treinamento) no município de São José (SC), na década de 1960.
Estavam presentes Eudes Mazzola, de Nova Trento e José Cim, de São João Batista.

Colaboração: Alexandre Aldo Cipriani

Se você conhecer mais alguém que esteja presente na foto, pode escrever nos comentários, clicando no ícone em forma de balão no canto superior direito da foto. Agradecemos a colaboração!

Imigrantes no Salto

quinteto-do-salto

Foto de um grupo de imigrantes que estabeleceu no bairro Salto, em Nova Trento. Os nomes estão identificados na foto. Data desconhecida.

Acervo: Primo João Gilli
Reprodução: Edésio Gilli

Lançamento do livro “O Dialeto Trentino no Brasil”

img-20161024-wa0017

Convidamos a todos os leitores de Nova Trento e região para prestigiarem o lançamento do livro “O Dialeto Trentino no Brasil”, que ocorrerá no próximo dia 12 de novembro (sábado), às 20h, no CDL de Nova Trento (Casa dei Nonni).

O livro é de autoria do Prof. Everton Altmayer, Doutor em Linguística pela Universidade de São Paulo (USP), e do Prof. Pe. Mario Bonatti, do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (UNISAL).

No livro, encontramos:

  • Análises históricas da imigração tirolesa no Brasil.
  • Estudos do dialeto trentino em Santa Teresa (ES), Piracicaba (SP), Rio dos Cedros e Nova Trento (SC).
  • Textos escritos no dialeto trentino de Piracicaba (SP), Rio dos Cedros (SC), Rodeio (SC), Nova Trento (SC) e em talian (RS).
  • Vocabulários do dialeto trentino de Rio dos Cedros e Rodeio (SC) e de Piracicaba (SP).
  • Documentos históricos sobre o Tirol e sobre a imigração.

Trata-se de uma obra “inédita” por juntar em um único livro a realidade linguística, histórica e cultural dos tiroleses italianos desde o Espírito Santo até o Rio Grande do Sul.

IGREJA DE SÃO VIGILIO

2016-09-27-21-16-45

Igreja de São Vigilio, patrono de Trento, inaugurada com festa e missa solene em 1929 na praça Galileu Galileu(atual praça Getúlio Vargas). Observa-se que havia um portão de madeira na porta central para impedir a entrada de animais. Além do conjunto de janelas baixas há um conjunto de aberturas circulares que permitiam a captação de luz natural . A igreja foi demolida em 1947 e os tijolos foram utilizados na construção do atual salão paroquial. (  Os padres Jesuítas vieram a Nova Trento em 1878 e  edificaram em 1885 uma igreja dedicada ao Sagrado Coração de Jesus no local onde se encontra a atual. Em 1942 quando foi inaugurada a igreja atual, o Bispo Dom Joaquim Domingues de Oliveira decidiu que a igreja seria dedicada a São Vigílio(Virgílio)  e a estátua do Sagrado Coração de Jesus possou  a ocupar lugar num monumento  externo , defronte e igreja. A estátua foi destruída anos depois por um raio)

Foto: cartão postal Jonas Cadorin

2016-09-28-10-55-17

Foto reprodução: Cleber Battisti Archer

Solenidade de inauguração da igreja ou  evento comemorativo ao dia da independência(observa-se a presença das crianças uniformizadas e de um pelotão do exercito ou policia

2016-09-28-10-59-30

Foto reprodução: Cleber Battisti Archer

A esquerda residencia da família Piazza, a esquerda ao fundo a igreja de São Vigilio. No centro da forto a obra de construção da ponte sobre o ribeirão Alferes.

Foto reprodução: Cleber Battisti Archer2016-09-28 10.57.54.png

Foto reprodução: Cleber Battisti Archer

Praça Galielu Galilei/ Getúlio Vargas com a igreja de São Vigilio ao Fundo

FANFARRA ESCOLAR GRUPO ESCOLAR LACERDA COUTINHO – NOVA TRENTO -SC

2016-09-23-11-34-59

Na frente, esquerda para direita: Godofredo Tonini., Isaias Montibeller,__,__,__,Maurilio Mazzola.

Atrás, esquerda para direita: Virgílio Bertotti,__, ‘Badico’ Dalbosco, __,__,__, Eudes Mazzola .

Foto registrada no palco do patio coberto do Grupo Escolar Lacerda Coutinho(atual Colégio Estadual Francisco Mazzola). Ao fundo, no quadro negro, a letra do hino da independência. Durante todo o periodo dos governos militares(1964 a 1985) era prática diária ou semanal as homenagens cívicas. Todas as turmas ficavam perfiladas em pelotões, como se fazia nos quartéis. Tomava-se distância  em relação ao individuo da frente e da  das laterias.: simetria. Ordem e Progresso. Os hinos nacional, da bandeira, do estado e da Independência eram ensaiados a exaustão. todos aprendiam de cor.

Peço a colaboração para identificarmos os demais membros desta foto. MANDE SUA INFORMAÇÃO NO ‘BALÃO ‘ DE DIALOGO QUE ESTÁ NO LADO DIREITO  SUPERIOR DESTA POSTAGEM

Foto: arquivo Jonas Cadorin

CONSTRUÇÃO DA ATUAL IGREJA MATRIZ DE NOVA TRENTO

406562_2640435297929_1466944132_31959779_1030572866_n[2]

Construção da igreja matriz de Nova Trento, iniciada no ano de 1940, finalizada em 1942, erigida com trabalho voluntário das famílias. No local havia a igreja Del Sacro Cuore di Jesú, se observa na frente do novo prédio o monumento com  a estátua do sagrado Coração de Jesus. Segundo me informou a falecida Henriqueta Sartori, a estátua foi destruída por um raio e  muitas pessoas levaram pedaços para casa  para guardar como relíquia.

Foto: arquivo Jonas Cadorin