Igreja Matriz de Angelina completa 73 ANOS


Dia 23 de maio de 2021, a atual Igreja Matriz dedicada à Nossa Senhora da Imaculada Conceição, localizada na cidade de Angelina-SC, completa 73 anos de sua inauguração. Com projeto arquitetônico elaborado pelo Pe. Vicente Schmitz as obras foram executadas pelos mestres pedreiros Francisco Cadorin e Domingos Darós, de Nova Trento-SC.

Findas as obras, há 73 anos, dia 23 de maio de 1948, o então Arcebispo de Florianópolis, Dom  Joaquim Domingues de Oliveira, a inaugura oficialmente com a respectiva bênção.

Segundo o Livro do Tombo da Paróquia de Angelina, à página 82: “milhares de padrinhos esperavam ansiosamente o momento em que as portas da nova igreja se abrissem pela primeira vez. E a surpresa foi grande. O interior representa um recinto sagrado e piedoso. Uma arquitetura atraente, magistral e impecável corre em linhas simples e inconfundíveis”.

Texto e foto: historiador Toni Jochem. Postagem: Jonas Cadorin

CALÇADOS ROSIMAR

Calçados ROSIMAR do saudoso empresário Guilherme Daros

Fonte: Informativo da Paróquia São Virgílio 1988. Postagem Jonas Cadorin

por Al Fero Postado em Daros

CIRO ORLANDO CADORIN e ADELAIDE DARÓS

Ciro Orlando Cadorin, pedreiro, músico nas horas vagas, filho de Francisco Cadorin e Maria Gullini Cadorin
*09.01.1937 – + 06.09.1987
Adelaide Maria Darós Cadorin, costureira, uma das primeira, senão a primeira, a ter uma máquina de costura Overlok para costurar malha em escala doméstica. Voz soprano inconfundível, atuou nos corais da cidade, filha de José e Hercília Darós, residentes à rua João Bayer Sobrinho
*26.04.1940 – 17.09.1994

Foto: lápide no cemitério central – Nova Trento. Postagem: Jonas Cadorin

PIKEKA – NILTON O. DARÓS

pthumbnail_20200721_181721Profissão: barbeiro. Muitos só souberam seu verdadeiro nome depois que faleceu. Deixou sua marca.                                                                                                                                  Fonte: lápide do cemitério central. Postagem Jonas Cadorin

DARÓS, MARTINI, SGROTT

martini

Domingos Martini (Minco) apontando o jogo do bicho com os amigos Lídio Darós( grande construtor, o primeiro a adquirir um automóvel Brasília em Nova Trento no ano de 1977) e Artur Sgrott( escriturário e clarinetista do conjunto “Os Insuportáveis!). Bons tempos!    Foto: Eugenio Martini. Postagem:Jonas Cadorin

 

 

Casamento de Valério Cadorin (Lélo) e Catarina.

44106496_510658579403851_4281175236889542656_o

“CASAMENTO A MODA ANTIGA – NOVA TRENTO
Registro fotográfico do casamento do meu saudoso amigo Valério Cadorin (Lélo), e de sua esposa Catarina.
Antigamente os convidados dos casamentos geralmente eram os vizinhos mais próximos, e os parentes dos noivos.
A decoração em sua maioria consistia em enfeites com pés de palmitos, nos quais se dependuravam pequenos buques de flores naturais, ou feitas com papel crepom, mas o que mais importava eram os excelentes almoços ou jantares, proporcionados pelos noivos.
Identificando os participantes desse casamento :
1ª – Mesa : da esquerda para a direita :
1ª – Fila : os saudosos (as) : Maria do Carmo(Carmen) Maçaneiro Cadorin, Tereza Dalri Cadorin, José Cadorin (Bepi), Francisco Cadorin, Adelina Demonti Cadorin, Jordão Cadorin, José Dell’Antonia, e Maria Cadorin ;
2ª – Fila : dois desconhecidos, Nilton Cadorin, cinco desconhecidas, as saudosas Claudia Gessele Cadorin, Camila Cadorin Eccher, e desconhecido ;
2ª – Mesa : da esquerda para a direita :
1ª – Fila : Padre Moisés Facchini( Leja), meus saudosos pais Benta Josefina Battisti Archer Tonini e Elísio José Tonini, os demais desconhecidos ;
2ª – Fila : todos desconhecidos.
Mesa dos casados :
Da esquerda para a direita : Os saudosos Geraldo Cadorin e Valério Cadorin, esposo, Catarina, esposa, o saudoso Padre Claudio Cadorin e a Sra Albertina Darós.”

Fotos e comentários: Godofredo L. Tonini. Postagem: Jonas Cadorin

ANDREA DAROS

2018-07-31 15.31.292018-07-31 15.37.12

Andrea Daros, 1928, do livro  A saga dos Daros, de Jorge Daros. “O patriarca e aquele que dá origem à família Darós em Nova Trento é Andrea Daros, à época (1878) com 32 anos. Veio acompanhado de sua esposa Pasqua, então com 26 anos, e dos filhos: Francesco (5 anos), Antonio (2 anos), Antonia (3 meses) e Gio-Batto (3 anos). O nome Gio-Batto trata-se de apelido de Giovanni Battista. No mesmo vapor Portena também estavam o sogro e sogra de Andrea Daros e outras famílias tradicionais de Nova Trento (Cadorin, Sartori, Ferrari, etc).

Postagem, Jonas Cadorin

FILHOS DE VIRGÍLIO FACCHINI

Foto família Facchini

Virgílio Facchini e Giuseppina (Josefina) Darós se reuniram para uma foto. São eles, da esquerda para a direita:Benilde Maria, Genésio Antonio, Maria Ana, Valentim Antonio, Adelaide Maria, Dalila e Marina.

Foto cedida por Elis Facchini