GIOVANI BATTISTA TAMANINI – PASSAPORTE -AUSTRÍACO/TIROLÊS

Este é o passaporte de Giovanni Battista Tamanini ( patriarca da família Tamanini de Vígolo), um documento raríssimo que nos remete a chegada dos primeiros imigrantes trentinos que se estabeleceram  em Nova Trento, no ano de 1875. Como vocês podem observar, as inscrições no passaporte eram feitas em dois idiomas, o italiano e o alemão. Naquele período, a Província de Trento e toda a região do Trentino Alto Adige pertenciam ao Império Austro- Húngaro, isso explica o fato de muitos imigrantes trentinos estabelecidos em Nova Trento muitas vezes se identificarem como austríacos ou tiroleses, com cultura/história peculiar habitando território que posteriormente veio a se denominado como Trentino.. ( Aqui no site do Alfero, logo abaixo das categorias de de sobrenomes temos uma texto que resume a história dos tiroleses/trentinos que colonizaram diversas partes do Brasil, inclusive Nova Trento)
Acervo e comentário: Prof.  Jovane Tamanini
Colaboração: Alexandre A. Cipriani

Di sei de jenar: ancoi lé l’di dei Re Magi

Dia seis de janeiro: hoje é o dia dos Reis Magos. Dia dia de aproximaras estatuedas dos Reis Magos do menino Jesus no presépio. Hoje também é o último dia do presépio. Uma tradições trazidas pelos tirolezes/trentinos que colonizaram Nova Trento foi a tradição do Canto da Estrela (dos stellari). Consisita em fazer serentas de natal indo nas casa com os personagens dos reis seguinto uma estrela e cantando canções que , hoje sabemos, remontam ao século XVII. Os últimos Stellari , antes do grupo dos Pargoleti, foi o grupo liderado por Virgílio Tomasi com musicos como Vick Cadorin, Artur Sgrott, João Cadorin, Dimas Tell entre outros, com Guilherme Darós, Antônio(Tóni) Cipriani, Elói Tell vestidos de reis. De 2007 em diante o grupo I Pargoleti vem mantendo a tradição . (acesse o http://www.ipargoleti.blogspot.com e confira 13 anos de serenatas)

Guilherme Darós, Elói Tell e Atônio Cipriani
Stellari Pargoleti
A benção dos reis: Christus Mansionem Benedicat
O Monograma traz os dois primeiros algarismo do ano, a inicial de Caspar(Gaspar), Melchior e Baltazar e os dois algarismos finais do ano que vai inciar escritos sobre entrada da porta da residência visitada

Fotos e postagem: Jonas Cadorin

LUÍS BETIM PAIS LEME

20200219_185020

Luís Betim Paes leme, diretor da colonia Itajaí-Príncipe dom Pedro, de 1872 a 1875. Os primeiros colonos tiroleses/trentinos chegaram á colonia nos últimos meses de sua direção.  Os primeiros colonos foram instalados no quilometro 16, ‘ I sedesi” , bairros Tirol e Lombardia,no atual distrito de Claraíba                                                                              Fonte: livro Vincere o Morire, de Renzo Maria Grosselli. Postagem:Jonas Cadorin

FAMÍLIA CIPRIANI – BAIRRO CASCATA – NOVA TRENTO – 1891

2018-11-10 15.56.40

Na fila da frente da esquerda para a direita : Maria, o casal Feliciana e Jozé, Gercindo, Otília e Julieta. Na fila de trás da esquerda para a direita : Ângelo, Francisco, Alberto, João e Hercílio.                                                                                                                                Registro fotográfico da tradicional família de Jozé Cipriani e de Feliciana Vendrami, imigrantes italianos que a partir do ano de 1875 estabeleceram-se em terras que deram origem ao futuro território do município de Nova Trento – SC,. mais precisamente no Bairro Cascata, cuja terras e residência localizavam-se defronte a filial da Fabrica de Tecidos Renaux, da cidade de Brusque.Jozé Cipriani, com 24 anos de idade e Feliciana Vendrami, com 19 anos de idade casaram-se em Nova Trento no dia 11 de abril de 1891 na Capela do Sacratíssimo Coração de Jesus, casamento este celebrado pelo Padre Ângelo Sabbatini, que chegou nessa paróquia em 03 de janeiro de 1880.Padre Ângelo Sabbatini, foi o fundador da Banda Musical que hoje tem o seu nome, em 05 de outubro de 1889, da qual o saudoso Sr. Gercindo Cipriani um dos filhos desse casal, fez parte como clarinetista e violino.                                                                                                                        Jozé Cipriani, natural de Torragnolo Diocese de Trento no Tirol, filho de Ângelo Cipriani e Judith Gerola, nasceu em 1867;                                                                                                        Feliciana Vendrami, natural de Soffratta Província de Treviso na Itália, filha de Caetano Vendrame e Anna Sacconi, nasceu em 1872.

 Fonte de consulta : Fotografia e Certidão de casamento. Acervo : Eder Cipriani.                    Informações:  Godofredo l. Tonini. Postagem: Jonas Cadorin